FGTS Caixa

A Caixa é um dos bancos que oferecem a maior variedade de possibilidades de financiamentos e consórcios para adquirir imóveis e veículos. Para facilitar o pagamento dos financiamentos e também dos consórcios a Caixa oferece a possibilidade de utilizar o FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço) como parte do crédito para quitar o valor necessário.

O usar FGTS é uma forma de garantir um abatimento no valor total do financiamento ou mesmo de conseguir dar um lance para antecipar a saída da sua carta de crédito de um consórcio. O fundo de garantia pode ser aquele empurrãozinho que faltava para você realizar os seus sonhos.

Como utilizar FGTS

Os pré-requisitos para poder utilizar o seu FGTS na compra ou lance de imóveis e veículos é não ser proprietário ou comprador de imóveis residências em qualquer parte do território nacional financiados pelo SFH. O imóvel em questão deve estar localizado na cidade em que reside aquele que pretende utilizar o fundo como parte do financiamento. É possível utilizar esse crédito para obter financiamento para a construção de imóveis também. A Caixa recomenda que os trabalhadores que desejarem utilizar o fundo como parte do abatimento do valor do financiamento esperem até o dia 10 de cada mês.

Todo dia 10 o saldo FGTS é corrigido podendo assim resultar num abatimento maior para você. O FGTS possui uma conta própria na qual é sempre creditado o valor que o trabalhador tem direito.

Os documentos necessários para solicitar o uso do FGTS num financiamento imobiliário são: RG, CPF, comprovante de rendimento mensal (pode ser um extrato de conta bancária, fatura de cartão de crédito ou contracheque), declaração de isenção de Imposto de Renda (IR) (ou declaração ou recibo de entrega), certidão de nascimento, cartão do PIS/PASEP, certidão negativa de débitos relativa a tributos federais e dívida ativa da União, declaração negativa de propriedade do imóvel, e recibo de condomínio ou aluguel (ou contas de água, luz, telefone ou gás).

Você também precisará de uma cópia da Carteira de Trabalho, declaração do empregador, solicitação de movimentação de conta vinculada do FGTS, extrato da conta vinculada do FGTS e autorização de débito.

Confira a relação dos documentos necessários clicando aqui. Faça o download do manual de uso do FGST clicando aqui.